Erro
  • JUser: :_load: Não foi possível carregar usuário com ID: 716
Menu

banner

Rouquidão

É definida como mudança no timbre da voz. Qualquer edema ou irregularidade na superfície de revestimento das pregas vocais provoca falta de clareza (limpidez) do som, levando à rouquidão. As causas agudas mais comuns são gripes, resfriados e distúrbios gástricos. Abuso vocal, que é geralmente provocado por gritos, e o hábito de pigarrear também podem causar alteração na voz.

Leia Mais...

Abscesso Periamigdaliano

As amigdalites de origem bacteriana (principalmente as tratadas de forma inadequada) podem evoluir para esta condição quando há acúmulo de secreção purulenta ou pus (abscesso) ao redor da amígdala. A dor intensa é o sintoma mais comum, muitas vezes acompanhada de alteração do timbre da voz, "ínguas" (linfonodos) no pescoço, febre alta, dor de cabeça e desconforto no ouvido do lado afetado. Por ser uma complicação da amigdalite, necessita de atenção especial de um especialista.

Leia Mais...

Dor de Garganta

As principais causas são as faringites e amigdalites (inflamação da faringe e amígdala, respectivamente), de origem viral ou bacteriana. Podem vir ou não acompanahadas de outros sintomas como coriza, obstrução nasal, febre e tosse. Quanto mais cedo for realizada uma avaliação médica, mais rápido é feito o diagnóstico e melhor é o prognóstico.

Leia Mais...

Sangramento Nasal

Também chamado de epistaxe, ocorre quando os vasos sanguíneos que nutrem a cavidade nasal se rompem. As causas mais comuns são as infecções virais ou bacterianas, as crises alérgicas e os traumatismos feitos pelo próprio dedo. Mais raramente, alterações da coagulação e crises de hipertensão arterial também fazem o nariz sangrar.
O uso de medicamentos e drogas como cocaína, também provocam o sangramento por causa da fragilidade dos vasos sanguíneos.
A epistaxe é muito comum em crianças. Quando ocorre em adultos ou idosos, deve ser rapidamente avaliada por um otorrino.

Leia Mais...

Sinusite

A sinusite é uma inflamação que acomete as cavidades existentes ao redor do nariz (seios da face), que na maioria das vezes inicia-se com uma rinite. Já é uma situação mais dramática, com dores de cabeça, secreção nasal espessa, obstrução nasal, podendo apresentar também tosse e febre. Por isso, o tratamento da rinite evita, muitas vezes, o desenvolvimento de sinusites.

Leia Mais...

Rinite

Se você apresenta nariz trancado, coriza, coceira e espirros, você pode ter rinite. Ela consiste na inflamação da mucosa nasal (tecido de revestimento interno do nariz). As principais causas são os resfriados, uso de produtos químicos irritantes, medicamentos e alergias. No caso das rinites alérgicas, muito frequentes em Curitiba, o problema é crônico e demanda tratamento adequado indicado pelo otorrino.

Leia Mais...

Obstrução Nasal

Pode ter diversas causas como desvios do septo nasal, pólipos nasais, rinite e outras. Respirar bem pelo nariz significa melhor senso do olfato e paladar, melhor qualidade do sono, menos ronco e apnéia do sono, melhor função pulmonar, melhor desenvolvimento dos ossos da face, melhor desempenho no trabalho, escola e atividades sociais, entre outras interferências positivas na qualidade de vida. O otorrinolaringologista é o profissional habilitado a examinar minuciosamente o nariz e desvendar as causas do problema respiratório nasal. O manejo da obstrução nasal dependerá da correta determinação da causa do problema e, ainda, permitirá o estabelecimento de medidas de prevenção e tratamento, quer seja com medicamentos ou com cirurgias.

Leia Mais...
RSS Feed